Filme chileno “Uma Mulher Fanstástica”estrelado por transexual ganha Oscar de melhor longa estrangeiro

Daniela Vegas é Marina em Uma Mulher Fantástica - A Fantastic Woman
Daniela Vegas é Marina em Uma Mulher Fantástica (Foto: The Times)

O filme chileno “Uma Mulher Fantástica”, tradução no Brasil de “A Fantastic Woman”, acaba de ganhar na noite deste domingo, 4 de março, o Oscar de melhor filme estrangeiro. Esta é a segunda vez que o Chile consegue uma indicação e a primeira vez que vence na categoria.

O filme é estrelado por uma atriz transexual chamada Daniela Vega, que interpreta Marina, que é uma garçonete transexual que passa boa parte dos seus dias buscando seu sustento. Seu verdadeiro sonho é ser uma cantora de sucesso e, para isso, canta durante a noite em diversos clubes de sua cidade. O longa é coprodução Chile, Alemanha, Espanha e Estados Unidos.

Além de “Uma Mulher Fantástica”, concorreram ao prêmio os longas “Corpo e Alma” (Hungria), “O Insulto” (Líbano), “Sem Amor” (Rússia) r “The Square: A Arte da Discórdia” (Suécia).

Leia também:

Comentários