Uberlândia na rota dos shows internacionais. Por quê?

PUBLICADO EM

McFly, The Pussycat Dolls, Kiss, The Offspring, Roger Hodgson, Pennywise… O que esses grupos musicais de estilos completamente diferentes têm em comum? A cidade de Uberlândia!

Isso mesmo! Todos esses artistas farão shows no Brasil no decorrer de 2020 e, curiosamente, todos eles passarão por Uberlândia, alguns deles deixando Belo Horizonte para trás.

Tudo começou com o francês David Guetta em 2015, depois vieram a banda inglesa de rock New Order, os canadenses do Simple Plan em 2018 e a banda alemã Scorpions, os britânicos do Whitesnake e o Slash do Guns N’ Roses em 2019. Já em 2020, a boy band americana Backstreet Boys abriu a temporada de shows internacionais no último dia 11 de março.

A pergunta que fica é: Por quê? Por que esses artistas escolheram Uberlândia para fazerem shows e não a capital mineira?

Listamos alguns possíveis motivos para a escolha de Uberlândia:

1 – LOCALIZAÇÃO:

Uberlândia, segunda maior cidade de Minas Gerais (de acordo com o IBGE), é conhecida como a capital do Triângulo Mineiro, estando localizada relativamente próxima a grandes centros econômicos como Belo Horizonte, Brasília, Goiânia, Rio de Janeiro, São Paulo, e acessível por rodovias estaduais e federais.

2 – POPULAÇÃO JOVEM

Uberlândia é uma cidade multicultural, inovadora e de muitas oportunidades, principalmente para os estudantes, uma vez que ela possui a Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e mais uma dezena de instituições particulares de ensino superior. Isso faz com que a proporcione uma grande variedade de cursos superiores, atraindo estudantes de diversas partes do país. Esse público universitário, consequentemente mais jovem, se interessa e vai a shows internacionais e nacionais também, claro.

3 – POLO CULTURAL

A cidade tem um grande investimento cultural, promovendo mensalmente atividades voltadas para as áreas musicais, de exposições, rodas de conversas, feiras, concertos, peças teatrais e literárias. Uma gama cultural riquíssima e atrativa. Tudo isso conta na área de apresentar a cidade aos artistas internacionais que são bem mais exigentes que os artistas nacionais.

4 – PONTOS TURÍSTICOS

Os atrativos turísticos são uma características à parte na cidade, com opções para todos os gostos. São seis museus, entre eles o Museu da Água e o Museu do Índio; cinco clubes, que vão de caça e pesca ao Tênis Clube; quatro templos religiosos de importância histórica; atrativos naturais, como duas cachoeiras, uma represa e seis parques; três galerias de arte; quatro teatros; e o zoológico municipal.

5 – TRADIÇÃO

A cidade procura valorizar muito a tradição local, estadual e nacional, promovendo eventos como o Congado de Uberlândia, Dança de Rua, Folia de Reis, Festa Junina e o Carnaval. Além disso, outras características muito interessantes fazem com que a cidade entre na rota de grandes shows e eventos. Por exemplo, Uberlândia é a primeira cidade do Brasil a ter 100% do seu transporte público acessível com elevadores e layout especial. Existem mais de cinco mil rampas nas calçadas. Uma rica gastronomia, aeroporto, hotéis, enfim. As opções são muitas.

Cada item mencionado acima, bem como outros aqui não mencionados, contribuem fortemente para o reconhecimento nacional e internacional de Uberlândia. Todos esses shows são realizados no Complexo Virgílio Galassi, que compreende o Estádio Parque do Sabiá, Parque do Sabiá, Arena Multiuso Tancredo Neves, conhecido como Sabiazinho, e o Parque Aquático.

Comentários

destaque

Coronavírus: Minas tem 1.445 óbitos e se aproxima de 67 mil casos

A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) divulgou, na manhã desta quinta-feira (9), mais um Informe Epidemiológico detalhando a situação do...

A liberdade de imprensa é um direito humano!

No dia 07 de junho comemora-se o dia da liberdade de imprensa no Brasil (mundialmente, a data também é comemorada no dia 03 de...

EDITORIAS POPULARES

NOSSAS REDES SOCIAIS

70,414FãsCurtir
28,000SeguidoresSeguir
182SeguidoresSeguir
2,000InscritosInscrever
Comentários