Outubro Rosa: um mês para lembrar que o cuidado com as mamas é o ano inteiro

PUBLICADO EM

Você sabe o que é o Outubro Rosa? Realizada anualmente em outubro no mundo todo, a campanha busca alertar a população sobre o diagnóstico precoce do câncer de mama, além de divulgar dados preventivos e ressaltar a importância de se cuidar.

Durante o mês de outubro, inúmeras instituições dão visibilidade ao tema, encorajando milhares de mulheres a realizarem exames, buscando a prevenção e o cuidado com a saúde. Uma campanha que tem se fortalecido nas redes sociais é a do Instituto Nacional do Câncer (INCA) em parceria ao Ministério da Saúde que reforça três estágios estratégicos no controle da doença: prevenção primária, detecção precoce e mamografia.

Segundo o INCA, o câncer de mama é um dos tipos mais comuns de câncer e pode ser considerado como o segundo tipo da doença que mais acomete brasileiras, sendo 25% de todos os cânceres que afetam o sexo feminino. Foram estimados, só no ano de 2019 cerca de 60.000 novos casos de câncer de mama, sendo 56 casos a cada 100 mil mulheres.

É importante ressaltar que homens e mulheres podem ter câncer de mama. Entretanto, são casos raros, em que cerca de apenas 1% é homem.

O movimento “outubro rosa”

Quando pensamos na mobilização e no incentivo que a campanha tem hoje, buscamos reconhecer qual sua origem. Inicialmente intitulado como “corrida pela cura”, o movimento teve inicio em 1990, em Nova Iorque. O intuito era arrecadar fundos para uma pesquisa realizada pela instituição Susan G. Komen Breast Cancer Foundation (hoje a maior e mais bem financiada organização de câncer de mama dos Estados Unidos).

O evento que acontecida de forma independente, foi crescendo até que o mês de outubro se tornou reconhecido como o mês de conscientização nacional nos Estados Unidos, até se espalhar para o resto do mundo.

Apesar da longa data de início nos Estados Unidos, o movimento só tomou proporção no Brasil no ano de 2002, no parque Ibirapuera, em São Paulo. A primeira movimentação sobre o outubro rosa teve uma iluminação cor-de-rosa sobre o Obelisco Mausoléu ao Soldado Constitucionalista do parque.

Assim, a partir do ano de 2008 outros movimentos de prevenção e alerta se tornaram cada vez mais frequentes. A ideia de relembrar a importância da prevenção alcançou desde então diversas unidades, pessoas, prédios e instituições.

O INCA e o Ministério da Saúde na campanha Outubro Rosa 2019

O Instituto Nacional do Câncer (INCA) em parceria ao Ministério da Saúde vem ganhando visualização nas redes sociais com sua campanha pelo Outubro Rosa de 2019. Buscando reforçar a prevenção, a detecção e a mamografia, a ação não se instaurou apenas no mês de outubro, como na maioria das instituições, mas sim, durante todo o ano.

Com cartazes, banners e cards circulando nas redes sociais, a campanha divulgada durante todo o ano vem com o intuito de lembrar que as mamas devem ser uma preocupação permanente na população, e não só em um mês de enfoque. Assim, segundo o INCA, a campanha de 2019 traz uma reflexão de que “cada corpo tem uma história. O cuidado com as mamas faz parte dela”.

Conheça mais sobre a campanha:

Cartilha: Câncer de mama: vamos falar sobre isso?

A primeira edição da cartilha, lançada em 2014 trazia o slogan “Câncer de mama: é preciso falar sobre isso”. Já para o ano de 2019, o foco da mesma é a prevenção primária, ou seja, ações que busquem prevenir e reduzir os fatores e os riscos. Assim, o objetivo da cartilha, em sua 5ª edição, é fortalecer as recomendações de diagnóstico precoce do câncer de mama através de um conteúdo que questiona o que é o câncer de mama, o que causa, quais os fatores de risco e também quais as formas de evitar.

Acesse a cartilha na íntegra clicando aqui.

Outubro Rosa: Um mês para lembrar que é preciso se cuidar o ano inteiro
Crédito da foto: Divulgação/INCA

Card para mídias sociais Outubro Rosa 2019: alterações suspeitas

Produzida para a divulgação nas redes sociais, o Card busca também incentivar a busca por cuidados com o próprio corpo. O material encoraja as mulheres a estarem atentas aos sinais e aos sintomas do câncer. Assim como outra campanha que está circulando nas redes sociais com o slogan “Mulher: se toque”, o INCA, em parceria ao Ministério de Saúde incentiva as mulheres se tocarem em busca de sinais e também estimula a busca por um serviço de saúde adequado aos sintomas.

Crédito da foto: Divulgação/INCA

Comentários
EDITORIA:

destaque

Horóscopo: energias intensas nesta semana (03 a 09/08)

A semana começa influenciada pela Lua Cheia em Aquário, indicando que as energias estarão mais intensas por pelo menos seis dias. Além...

Sem repasses, Santa Casa de Ouro Preto vive dificuldades com 90% dos leitos de UTI ocupados

Em entrevista coletiva concedida nessa segunda-feira (27), o provedor da Santa Casa de Ouro Preto, Marcelo Oliveira, atualizou a taxa de ocupação...

Sem repasses, Santa Casa de Ouro Preto vive dificuldades com 90% dos leitos de UTI ocupados

Em entrevista coletiva concedida nessa segunda-feira (27), o provedor da Santa Casa de Ouro Preto, Marcelo Oliveira, atualizou a taxa de ocupação...
Comentários