Fundação Renova
Fundação Renova

Nova Ford Ranger militar ganha armas e blindagem

Finalmente a Ranger se transformou em uma picape de guerra. Após passar por algumas mudanças e ganhar blindagem e armamento, agora o veículo militar está mais parecida com um carro feito para o combate, além de mais seguro.

Com uma pintura em verde militar feita com o mesmo material usado pela pela Otan, o novo modelo da Ford Ranger, assinada pela engenharia automotiva Ricardo PLC e a divisão de veículos militares da Polaris, foi estruturada com vidros e pisos blindados, um sistema elétrico de 24 V e tanque de combustível e trem de força.

A grande novidade, é que o veículo vem pronto para o combate, com um sistema de armas montado em formato de anel, o que facilita o uso da armas em uma possível urgência.

A máquina recebeu também outras alterações, agora ela é mais potente, pois em uma das versões, a Ranger ganha um motor biturbo diesel, de quatro cilindros de 210 cavalos. Há uma versão também com câmbio automático de 10 marchas, semelhante ao recém-lançado no Camaro e Mustang.

Perdendo apenas para um tanque de guerra, a nova Ranger Militar possui placas protetoras extras para radiador, amortecedores dianteiros e traseiros leves e resistentes, além de cinto de segurança de quatro pontos e proteção para capotagem.

Não poderíamos finalizar esta matéria sem falar sobre as rodas. Parece que a Ford realmente deu uma atenção especial à segurança na projeção deste veículo, pois agora as rodas passaram a usar pneus para uso intenso no fora-de-estrada. A segurança se estende aos chassis, que na versão militar, recebe amortecedores, freios e e molas reforçadas.

Ford Ranger

No sentido de carro utilitário, a Ford Ranger se encontra bem colocada na categoria de picapes médias, competindo com a Mitsubishi L200 Triton , Toyota Hilux, Nissan Frontier, VW Amarok High e Chevrolet S10.

O modelo novo possui uma linha de motorizações e transmissões para os diferentes tipos de uso:
2.2 Diesel Duratorq com transmissão manual ou automática de 6 velocidades e 3.2 Diesel Duratorq com transmissão automática de 6 velocidades.

Leia também: Nova picape: Peugeot anuncia chegada de modelo que pesará uma tonelada.

Comentários