Fundação Renova
Fundação Renova

Na raça: time reserva do Atlético arranca virada fora de casa

Foi na raça. Teve gol aos 26 segundos do primeiro tempo, pênalti perdido e virada aos 53 minutos do segundo tempo. O time reserva do Atlético não fez um jogo brilhante, mas mostrou superioridade a Chapecoense durante quase todo o jogo e saiu de campo com uma vitória merecida. O triunfo deixou um ar de esperança para os atleticanos.

Resumo do jogo

O torcedor atleticano mal teve tempo de respirar. Após mais um vacilo da defesa alvinegra, Everaldo marcou para a Chape aos 26 segundos do primeiro tempo. O gol já mostrava que a partida não seria fácil, mas quem esperava que depois do gol o Galo fosse sentir a pressão, se enganou. A postura da equipe em campo foi outra, os jogadores foram pra cima, mas, ainda assim, terminaram o primeiro tempo atrás no placar.

Na volta do intervalo, Rodrigo Santana consertou alguns pontos que não estavam se encaixando. Aos 22 minutos da segunda etapa, o zagueiro da Chapecoense bloqueou a bola de Maicon Bolt com o braço e o juiz assinalou pênalti. Ricardo Oliveira foi acionado para a cobrança. O atacante não vive boa fase e teve a chance de mudar o fato, mas perdeu a cobrança, fazendo o torcedor atleticano perder ainda mais a paciência com ele.

Raça

Mais uma vez o time reserva mostrou que entrou em campo para vencer. Mesmo após perder o pênalti, a equipe pareceu não ter se abalado e continuou saindo para jogo. E como jáá dizia o ditado: água mole em pedra dura, tanto bate até que fura. E foi isso. Depois de tanto ir atrás do gol, ele finalmente saiu. Aos 34 minutos, após rebote do goleiro, Maicon Bolt rolou para Iago Maidana, que empatou o jogo.

Quando tudo parecia encaminhar para um empate, o Atlético mostrou o porquê de ser conhecido por sua raça. Praticamente no último lance da partida, o Galo marcou, e marcou bonito. Aos 53 minutos do segundo tempo, Vinícius limpou dois jogadores e finalizou forte na saída do goleiro. 2 a 0 no placar e uma vitória merecida do Atlético.

Na raça: time reserva do Atlético arranca virada fora de casa
Crédito da foto: Agência Galo

Esperanças 

A forma como a equipe alvinegra atuou neste domingo dá um novo gás ao torcedor. O Galo precisa reverter o placar de 3 a 0 sofrido na última quinta para seu maior rival. O objetivo é difícil, mas este domingo mostrou que para o Galo, não é impossível.

Comentários