Dezoito mortes em Minas Gerais estão sendo investigadas por coronavírus

PUBLICADO EM:

EDITORIA:

Em Minas Gerais já foram notificadas 38 mortes sob a suspeita do novo coronavírus, dos quais 20 foram descartadas e 18 ainda estão sendo investigadas através de exames laboratoriais e levantamento de informações clínicas e epidemiológicas.

O estado regista até este sábado (28), 205 casos confirmados para a Covid-19. A Secretaria de Estado de Saúde investiga 22.974 casos considerados suspeitos.

Segundo o Ministério da Saúde, todos os estados brasileiros registraram casos da doença e em dez há registro de óbito pelo coronavírus.

Neste sábado o governador de Minas Gerais, Romeu Zema, disse que uma peça importante para a produção de respiradores (equipamento usado no tratamento de pacientes que sofrem do quadro de Síndrome Respiratória Aguda Grave) será produzida no estado. “Colocaremos 3 empresas inovadoras para produzir a válvula, que é um dos componentes desse equipamento”. Segundo publicou o perfil oficial do governador nas redes sociais, máscaras translúcidas também serão produzidas, tudo com o investimento da Codemig. A atitude de Zema se assemelha a de Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, que está em negociação com a General Motors, empresa que fabrica veículos, para que ela passe a confeccionar respiradores para que os norte americanos combatam a pandemia.

No Brasil, a região mais atingida pelo vírus é o Sudeste, com 2.222 casos confirmados. São Paulo é o estado onde a Covid-19 alcançou o maior número de pessoas, com 1.406 confirmações, em seguida está o Rio de Janeiro, que  já testou positivo 558 amostras.

2,8% dos casos registrados como confirmados para o coronavírus no país foram a óbito, sendo que no Brasil há 3.904 infectados.

Confira os casos confirmados para o coronavírus por estado:

Maranhão – 14
Mato Grosso – 13
Mato Grosso do Sul – 31
Minas Gerais – 205
Paraná – 133
Paraíba – 14
Pará – 17
Pernambuco – 68
Piauí – 11
Rio Grande do Norte – 45
Rio Grande do Sul – 197
Rio de Janeiro – 558
Rondônia – 6
Roraima – 12
Santa Catarina – 184
Sergipe – 16
São Paulo – 1406
Tocantins – 9

Ouro Preto

Na cidade histórica Ouro Preto, embora ainda não haja confirmação de infectados pela Covid-19, a vigilância sanitária já iniciou a desinfectação das ruas. Com desinfetante e cloro, agentes limparam as ruas que compõem a Praça Tiradentes e a Rua São José, assim como a Santa Casa ,a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), pontos de ônibus e o centro de atendimento especial para possíveis pacientes infectados pela Covid-19, que pode ser implantado onde é o Centro de Eventos na cidade.

Em Ouro Preto há 17 casos sendo investigados. Foram notificados 55 casos sendo, que 38 foram descartados.

Mariana

Mariana permanece com 2 casos confirmados para o novo coronavírus. No município há 22 casos suspeitos, e, segundo a prefeitura, eles são monitorados pela Secretaria de Saúde, conforme o protocolo disponibilizado pela Secretaria Estadual de Saúde. Três pacientes encontram-se internados e os restantes em isolamento domiciliar, bem como seus familiares.

Confira os detalhes dos casos de coronavírus em Mariana:

Casos suspeitos:
3 pacientes gênero masculino, na faixa etária de 41 a 50 anos;
3 pacientes gênero masculino, na faixa etária de 31 a 40 anos;
3 pacientes gênero masculino, na faixa etária de 21 a 30 anos;
1 paciente gênero masculino, na faixa etária de 10 a 20 anos;
1 criança do sexo masculino, de 1 a 9 anos;
1 paciente gênero feminino, na faixa etária de 51 a 60 anos;
4 pacientes gênero feminino, na faixa etária de 31 a 40 anos;
6 pacientes gênero feminino, na faixa etária de 21 a 30 anos.

Casos descartados:
5 pacientes do gênero feminino;
1 criança do gênero feminino;
2 pacientes do gênero masculino.

Casos confirmados:
2 pacientes gênero feminino, sendo estes importados.

Itabirito

Em Itabirito não há nem casos confirmados e nem prováveis confirmações para a Covid-19, no entanto, a Secretaria de Saúde investiga quatro casos.

Neste sábado a prefeitura aumentou o estoque de materiais de limpeza utilizados na higienização dos pontos de maior risco para contagio pelo coronavírus, reforçando a quantidade de álcool, água sanitária, sabonete, detergente e papel toalha itens importantes no combate a proliferação do vírus.

Comentários

NOTÍCIAS RELACIONADAS

EDITORIAS POPULARES

NOSSAS REDES SOCIAIS

70,293FãsCurtir
28,000SeguidoresSeguir
180SeguidoresSeguir
2,000InscritosInscrever
Comentários