Atlético e Cruzeiro fazem campanha sobre Dia da Consciência Negra

PUBLICADO EM:

Os dois maiores times mineiros estão com uma nova campanha promovendo o Dia da Consciência Negra, que é celebrado no dia 20 de novembro. Tanto Atlético quanto Cruzeiro estão com uma série de posts em suas redes sociais e em seus sites para tratar do tema que esteve em evidência no último clássico do último domingo (10).

Atlético

Após o caso de racismo envolvendo um torcedor do Atlético e um segurança do estádio Mineirão, o Galo lançou a campanha “Do Preto e do Branco”, dando destaque ao mês da Consciência Negra. Durante todo o mês de novembro, serão exibidos depoimentos de atletas, funcionários e torcedores negros que irão falar sobre a importância da inclusão social e combate à discriminação racial, dentro e fora do esporte.

O Atlético também propôs uma visita do segurança, que é atleticano, Fábio Coutinho, vítima de injúria racial, à sede do clube para que o presidente Sérgio Sette Câmara pudesse o acolher e oferecer uma assistência jurídica gratuita no seu caso. Além disso, o presenteou com um kit da Loja do Galo com camisas, shorts e acessórios, e ainda, levou Fábio para conhecer o jogador Luan, ídolo do time.

Cruzeiro

View this post on Instagram

Uma das questões mais importantes que assolam a humanidade ao longo dos séculos é o RACISMO. Infelizmente, esta prática tão indelicada e ultrapassada ainda está presente nos dias atuais e precisa muito ser debatida. Nas últimas semanas, nós aqui do Cruzeiro procuramos ouvir negros que militam na causa e têm conhecimento do assunto para moldarmos a nossa campanha relativa ao Dia da Consciência Negra, celebrada no Brasil no dia 20 de novembro. E a conclusão que chegamos foi: precisamos falar sobre Racismo. Em uma ação conjunta com o Todo Black É Power (@todoblackepower), Grupo Empresarial dedicado à emancipação da população negra por meio do empoderamento estético, econômico e cultural, vamos desenvolver um debate nas próximas semanas sobre o tema. E no primeiro passo deste debate queremos ouvir você, torcedor. De hoje, 14 de novembro, até às 10h segunda-feira, dia 18/11, deixaremos no ar uma breve pesquisa que pode ser respondida em um formulário disponível no link em nossa bio aqui no Instagram. Nós queremos saber, basicamente, se você já foi vítima ou já presenciou algum ato de discriminação racial em um estádio de futebol. Ao longo da nossa campanha, teremos como representantes os atletas Cacá e Jajá, zagueiros dos nossos times profissionais masculino e feminino. Contamos com a sua colaboração para que este debate seja engrandecido. Mas, de uma coisa a gente já sabe: é preciso que seja dado, de uma vez por todas, um CARTÃO VERMELHO PARA O RACISMO! #CartãoVermelhoParaORacismo ? @brunohaddad_photographer / Cruzeiro

A post shared by Cruzeiro Esporte Clube (@cruzeiro) on

O Cruzeiro também lançou sua campanha hoje (14), contra a discriminação racial. Nela estão presentes Cacá e Jajá, dos times masculino e feminino, respectivamente, como representantes, que irão ouvir torcedores em uma ação conjunta com o Todo Black É Power, Grupo Empresarial dedicado à emancipação da população negra por meio do empoderamento estético, econômico e cultural sobre casos de racismo nos estádios. O participante poderá, por meio de formulário, entre os dias 14 e 18 de novembro, contar se já presenciou ou sofreu algum tipo de discriminação racial nos estádios.

Para responder o formulário sobre experiências com o preconceito racial em campos de futebol, bastar clicar aqui. A pesquisa é curta e pode ser respondida rapidamente.

Injúria Racial no Clássico

Após o Superclássico entre Cruzeiro e Atlético neste domingo (10), torcedores atleticanos discutiram com seguranças na arquibancada do estádio Mineirão. Na internet, viralizou um vídeo em que dois dos torcedores exaltados protagonizam cenas infelizes de racismo: “Filho da p***! Olha a sua cor”, disse um torcedor, em meio a outros xingamentos, no segundo 57 do vídeo.

Comentários

RELACIONADOS

NOSSAS REDES SOCIAIS

70,243FãsCurtir
28,000SeguidoresSeguir
176SeguidoresSeguir
2,000InscritosInscrever
Comentários