Ainda sem renovação com Atlético, Cazares diz que gostaria de jogar no Corinthians

PUBLICADO EM:

O meia Juan Cazares, uma das peças principais para o time do Atlético, ainda tem seu processo de renovação contratual com o clube estagnado. O jogador tem vínculo com o Galo até o final desta temporada e, recentemente, em entrevista ao “Canal del Fútbol”, do Equador, o atleta fez elogios ao Corinthians e afirmou que, ao lado de Flamengo, é o mais poderoso do Brasil.

“Sim (gostaria de jogar pelo Corinthians). É uma equipe muito grande do Brasil, uma equipe muito forte. Flamengo e Corinthians são os mais poderosos daqui. Como não vou gostar de vestir a camisa de uma equipe tão grande é o Corinthians? Ainda estou aqui (no Atlético). Não posso falar muito. Aqui na cidade (Belo Horizonte) todo mundo torce para a equipe, se escutam que eu quero ir, então…”, disse o meia.

Ano passado, o Corinthians tentou contratar Cazares, quando ainda era comandado por Fábio Carille. Entretanto, em novembro, o treinador foi demitido e o desejo da equipe paulista esfriou. Hoje, com o técnico Tiago Nunes, o Timão não manifestou interesse com a chegada do equatoriano.

“Hoje não (há desejo de contratar Cazares), mas ele interessou uma época”, disse o presidente corintiano, Andrés Sanchez, em entrevista ao jornalista Jorge Nicola na última quarta-feira (22).

Segundo o diretor de futebol do Atlético, Alexandre Mattos, em entrevista ao canal do Nicola, a renovação com o Cazares é uma das prioridades do clube assim que o futebol retornar. O jogador equatoriano é o atleta estrangeiro com maior número de jogos pelo Atlético, são 205 jogos e 41 gols.

Perto de sair…

No começo deste ano, Cazares esteve perto de sair do Atlético para jogar no futebol dos Emirados Árabes, o Al Ain. E ainda, o então técnico do Galo, Rafael Dudamel, disse que o jogador não estava com a cabeça no time de Minas. Sendo o dono de 100% dos direitos econômicos do equatoriano, a equipe alvinegra pediu 4 milhões de euros para liberá-lo, mas não obteve resposta satisfatória, como confirmado pelo presidente Sérgio Sette Câmara.

Cazares chegou ao Atlético em 2016 e já atingiu mais de 200 jogos com a camisa alvinegra. A transação envolvendo a chegada do equatoriano ao Galo foi conturbada, devido a uma confusão com o Banfield, da Argentina, que até hoje move recurso judicial para ser ressarcido pelo clube de Minas. Na época, o Corinthians também tentou contratá-lo.

Veja também: Atlético: conflito entre Kalil e Sette Câmara chega à política do estado

Comentários

NOTÍCIAS RELACIONADAS

EDITORIAS POPULARES

NOSSAS REDES SOCIAIS

70,267FãsCurtir
28,000SeguidoresSeguir
177SeguidoresSeguir
2,000InscritosInscrever
Comentários